Sábado, 23 de Fevereiro de 2008

Tio Alfredo 4

 

Durante um ano sempre que o meu tio vinha a Lisboa a história repetia-se e fizemos sexo de toas as maneiras e feitios e de todas as vezes eu gozava como uma louca. Reconheço que agora eu era a putinha do meu tio e que ansiava pela visita dele a Lisboa. Felizmente que os negócios dele estavam a correr bem e abriu um escritório em Lisboa e agora passava pelo menos 2 dias por semana na capital.

Devido a isto e a querer ter maior privacidade comigo comprou um pequeno apartamento em Telheiras. Um dia recebo uma mensagem a dizer que tinha um jantar de negócios com um cliente muito importante e que queria que eu lhes fizesse companhia. Aceitei toda feliz embora um pouco desiludida pois pensei que naquela noite não iria acontecer nada, como estava enganada! Ao chegar ao restaurante fui apresentada pelo nome e como sendo a “nossa” companhia para esta noite. Não gostei da apresentação nem do sentido que percebi das palavras mas fiquei. O nosso acompanhante era um homem um pouco mais novo que o meu tio, muito magrinho e com pouco mais de 1,70, mas não deixava de ser um homem atraente.

Elogiou-me dizendo que era muito bonita o que fez elevar o meu ego. Ao longo do jantar revelou-se uma excelente companhia, divertido e sempre com conversa nunca deixando morrer o assunto, até que quando estávamos à espera do café sinto a sua mão subir-me pela perna. Estremeci e olhei para o meu tio em busca de auxilio mas limitou-se a sorrir e a incentivar-me a aceitar sem barafustar. Estava confusa e fula mas aos poucos a ficar excitada com aquilo. A sua mão não parava de me acariciar e quando os cafés chegaram também a sua mão chegou ao meio das minhas pernas provocando-me um ligeiro gemido que surpreendeu o empregado que nos servia.

Terminamos o café e pagamos a conta sempre com a sua mão acariciando-me sentindo a minha excitação crescente. Dali o meu tio sugeriu irmos beber qualquer coisa a sua casa para terminar o negócio e sugeriu também irmos no mesmo carro visto que a sua casa era perto. Sentou-se ao volante e aconselhou-nos aos dois a ir no banco de trás para nos “conhecer-mos”. Claro que assim que nos sentamos fui beijada e apalpada de todas as formas e as coisas só não avançaram mais porque o caminho era curto. Eu estava doida para entrar em casa e apagar o fogo que me queimava e de facto assim que a porta se fechou acabaram-se as cerimónias, quatro mãos despiam-me à pressa e acariciavam o meu corpo. As minhas mamas eram beijadas e a minha rata lambida. Nem pensava no esquisito que era estar com dois homens.

Senti, mais do que vi um pénis aproximar-se da minha boca e mamei-o com gosto. Era o do meu tio, enquanto uma língua trabalhando no meu clitóris me arrancou o primeiro orgasmo da noite. Estava ainda a recuperar quando sinto uma coisa enorme e dura na entrada do meu túnel e olhando para baixo fiquei assustada com o tamanho da ferramenta do nosso conviva. 22 ou 23 cm e da grossura do do meu tio que não era pouco. Choraminguei e pedi que não, mas o meu tio tapou-me a boca com o pau enquanto o conviva me penetrou com força fazendo-me sentir toda rasgada por dentro não acreditando que conseguira aguentar aquela tora toda. Durante longo tempo fui fodida com gosto enquanto mamava o meu tio e sentindo aproximar-se o orgasmo os dois fizeram questão de ser vir em cima de mim, da cara e das mamas sujando-me toda.

Por esta altura o meu lado de puta já tinha vindo ao de cima e só pensava em mais pelo que continuei a mamar naqueles dois paus pondo-os duros novamente. Desta vez montei o meu tio enquanto mamei aquele pau enorme, fodemos durante muito tempo em todas as posições até que estando montada no pau do conviva sinto o meu tio vir por trás e lambuzar o meu cu. Pensei que ele estaria brincar mas quando senti a cabeça passar o esfíncter percebi que era verdade, estava a ter a minha primeira dupla penetração e estava adorar e gritando muito vim-me em orgasmos múltiplos que não sabia serem possíveis desfalecendo em cima dele. Passados poucos segundos abri os olhos e estávamos na mesma posição, esperavam que eu recuperasse e quando o fiz disseram que queriam trocar de posições.

Respondi que não, que não ia aguentar aquilo no meu cu, mas mais uma vez não tive qualquer hipótese e fui obrigada a deixar as coisas acontecer. Primeiro montei o meu tio e depois de estar bem encaixada preparei-me para receber aquele monstro. Para minha surpresa até entrou mais facilmente do que esperava, talvez por estar tão lubrificada e aberta pelo pau do meu tio mas mesmo assim não deixava de ser agonizante ter um pau enterrado tão fundo no meu cu. Quando conseguimos estabelecer um ritmo não demoramos vir-nos quase em conjunto e desta vez caímos mesmo os 3 uns por cima dos outros assim permanecendo muito tempo, até que recuperando as forças o convidado disse que me queria comer o rabo sozinho e com muita calma o que fez durante mais de uma hora e quando acabou enchendo-me novamente o rabo e meu tio veio-se mais uma vez na minha boca.

Eu adormeci quase instantaneamente e no outro dia quando acordei o meu tio já não estava e eu continuava a dormir onde tinha caído, o corpo todo sujo de esperma. Da minha cona e do cu ainda escorriam pequenos fios de esporra que me faziam arder tão assada estava e tão dorida me encontrava, mas mesmo assim não deixei de sorrir perante a loucura que tinha sido a noite.

segredos de buonarotti2 às 15:39
chave secreta | aconselhar | preferir
|

*vivências partilhadas

*Calendário

*Prémio

*passearam com due e tto

a href="http://easyhitcounters.com/stats.php?site=buonarotti" target="_top">Counters
Free Counter

*o que contamos

* Mais um vídeo do nosso am...

* Glamour........

* árvore de natal 2

* Árvore de Natal

* acessórios

* parafilia

* ah! os pés!

* dicionário de fétiches

* bondage 4

* bondage 3

* bondage2

* bondage 1

* As manas

* Dicas práticas para menin...

* Sexo seguro

* Sexo - vida de casado

* tantric2

* tantric

* último tango emParis

* masks

* Lá fora começou a chover,...

* Trio improvável

* Poema de amor aguado

* A verdadeira história da ...

* Madonna - Erotica

* Ariel Strip

* Noites de verão

* Ah! o noso blog é quente!...

* Publicidade porta-a-porta

* cada um come do que gosta

* Boas férias!

* Viagem a Marrocos

* As mulheres excitam-me, n...

* Ora bolas!

* Princesa

* Fogo e paixão

* Atrás da porta

* Me deixas louca

* Problema com a tvcabo

* Desejo...

* Portugal, sempre!

* Guerra de mulheres

* Espero-te

* Domina-me

* Regresso ao passado 3

* Prelude du Fornication

* Banheiro

* Namoro digitalizado

* Empregada safada

* Gifmania II

*Retractos anónimos

*fechaduras... espreite:)

*Pirata

*Devoradora

*pesquisar

 

*Apelativa