Segunda-feira, 28 de Abril de 2008

Canto de sereia

O teu corpo é como um rio
calmo, transparente,
que corre manso ao encontro do mar.
 
Cheio de flores, de sereias, de fadas e deusas tão inteiras, tão nuas,
tão verdadeiras.
 
Quando te vejo assim, o meu corpo ferve.
Nem sequer consigo respirar
e os meus olhos só querem fechar.
 
Tens a cintura muito apertada dentro desse vestido, não é pelos meus beijos, nem pelos meus dedos, que brincam em teu mar salgado.
É para ouvir melhor, o teu cantar de sereia.
 
Solta, por favor,
esses laços todos que te sufocam!
Solta os teus cabelos.
Canta só para mim, linda sereia
 
Teus cabelos, que inspiram canções, livros,
peças de teatro , sonhos fantásticos, sem fim.
 
A cada toque teu, sobre minha pele,
fazem-me acreditar
que o meu sentimento é eterno.
 
Como é bom sonhar,
com sereias, como tu.
 
segredos de buonarotti2 às 23:58
chave secreta | aconselhar | preferir

*vivências partilhadas

*o que contamos

* Canto de sereia

*fechaduras... espreite:)

*pesquisar